Cinco agentes de segurança de uma empresa, que explora recursos minerais, no distrito de Cuamba, no Niassa, foram linchados, pela população, na passada quarta-feira.

Em causa, está um alegado envolvimento das vítimas na prática de crimes, tal como confirma o comandante distrital da Polícia da República de Moçambique (PRM), em Cuamba, Celestino Ziate.  

“Neste momento, temos um total de cinco indivíduos, que foram linchados pela população e temos quatro detidos em conexão com esta situação”, explicou.

Haviam cercado um cidadão chinês, que depois da intervenção da polícia, foi possível resgatá-lo e recuperou-se algum equipamento usado nos trabalhos de pesquisa, nomeadamente, uma retroescavadora e um viatura de empresa”, frisou a fonte.

O comandante distrital da PRM, em Cuamba, Celestino Ziate, acrescentou, que o linchamento de cinco agentes de segurança, ocorreu na manhã de quarta-feira, devido a um suposto envolvimento destes na prática de crimes. (RM)

Comments

A província de Gaza tem como meta, para os próximos 10 anos, a redução da pobreza extrema para menos de 23 por cento, no contexto do Plano Estratégico da Província (2018-2027). O instrumento, apresentado, semana passada, pela governadora Stella Pinto Zeca, aos estudantes da Universidade São Tomás de Moçambique (USTM), delegação de Gaza, apresenta três eixos principais, nomeadamente, político-institucional, ambiental e desenvolvimento económico sustentável, sendo que a prioridade é o combate à fome, pobreza absoluta, e o HIV/SIDA, cuja prevalência deve passar dos actuais 25 para menos de 10 por cento. Leia mais

Comments

Três crianças morreram e duas contraíram ferimentos graves, na manhã de hoje, vítimas da explosão de um engenho, que deflagrou, numa mata no bairro Samora Machel, Unidade Canangol, cidade de Tete.

O incidente ocorreu, quando os cinco petizesencontraram o artefacto numa mata, tendo começado a apedrejar, originando a explosão, que ceifou a vida dos três no local e ferimentos dos restantes dois.

Segundo Deolinda Matsinhe, chefe das Relações Públicas, no gabinete de imprensa no comando provincial de Tete, as duas crianças, que contraíram ferimentos graves encontram-se a receber cuidados intensivos no Hospital Provincial de Tete.

Matsinhe explicou ainda à nossa Reportagem, que uma equipa do Serviço Nacional de Investigação Criminal, já se encontra no local a fazer a perícia, de modo a apurar o tipo de engenho que deflagrou, bem como, a sua origem.

Comments

O Serviço Nacional de Migração (SENAMI) repatriou, durante os últimos quinze dias, um total de 31 cidadãos de várias nacionalidades, por se encontrar no país em situação ilegal.

Segundo a Leitida Mahanjane, porta-voz do SENAMI, a sua instituição interpelou no período de 7 a 13 do mês em curso, em todo o território nacional, 61 cidadãos estrangeiros, em situação irregular.

Explicou, que deste número, 30 regularizaram a situação e 31 foram repatriados, para os países de origem.

Mahanjane informou, que o número dos repatriados representa uma redução acima de 100 porcento, relativamente, ao igual período do ano de 2018.

A porta-voz destacou as nacionalidades malawianas, guineeses e tanzanianas com maior número de repatriados. Lembrou também que as províncias de Tete, cidade Maputo e Niassa registaram maior cifra de cidadãos ilegais.

No mesmo período em analise, a Leitida Mahanjane disse que o pais recusou a entrada de cidadãos estrangeiros, contra 19 do ano passado.

Disse que a falta de clareza de motivos de vinda ao país e a precariedade de meios de subsistência foram as causas de recusa à entrada no território nacional.

Segundo a fonte, os cidadãos de nacionalidades somalianas, bengalesas e ugandesas foram os mais recusados a entrarem no país.

Comments

O Centro de Integridade Pública (CIP) afirma que o Governo não tem sido transparente na divulgação dos fundos alocados pelos doadores e parceiros no sector da Saúde, pelo que exige uma maior transparência.

Esta é a conclusão de uma Análise da Transparência da Ajuda e do Volume de Recursos dos Doadores no Sector da Saúde 2012-2018, um documento apresentado ontem, em Maputo, pelo pesquisador do CIP, Ben Cavelane.
Segundo o pesquisador, o sector produz muitos relatórios, mas não disponibiliza a informação contida para domínio do público.
“O que acontece é que o Ministério da Saúde produz relatórios de execução orçamental, envia aos parceiros e de seguida não os disponibiliza para o público. O Governo reconhece a importância da transparência da ajuda, no entanto, apesar desse reconhecimento formal, evidências relacionadas com a disponibilidade de informação em plataformas, assim como a falta de publicação dos instrumentos e respectiva disponibilização, mostram que, na prática, não há cometimento com o assunto”, afirmou a fonte, citada pela AIM.
Explicou que o CIP interessou-se em estudar os fundos do MISAU por serem uma parte indispensável do dinheiro que o sector tem vindo a usar nos seus projectos.
A fonte acrescentou que o CIP tem visitado com frequência a página web do MISAU, tendo encontrado apenas o relatório de 2012, apesar de o ministério estar a produzir relatórios há mais de dez anos. Infelizmente, a mesma não é disponibilizada para o consumo dos moçambicanos, mas sim aos doadores.
“Os compromissos e desembolsos do PROSAUDE têm vindo a sofrer variações significativas ao longo dos últimos exercícios económicos 2012-2018. A título de exemplo, o compromisso assumido pelos parceiros em 2017, no montante de 27,9 milhões de dólares, foi muito inferior ao valor de 98,1 milhões de dólares de compromissos assumidos em 2013, correspondendo a uma queda de 71,5 por cento, o que afecta de forma muito negativa a concretização dos planos do sector”, anotou.
Por isso, o CIP defende a criação de uma plataforma capaz de disponibilizar relatórios de execução orçamental ao público, afirmando que a falta de informação completa pode ser “colmatada” pelo relatório de execução orçamental do sector da Saúde.

Comments
Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction