Quarta-feira, 24 Julho, 2024
Início » MISA e SNJ exigem responsabilização no atropelamento do jornalista da TVSucesso

MISA e SNJ exigem responsabilização no atropelamento do jornalista da TVSucesso

Por Juma Capela
1,5K Visualizações

O MISA Moçambique e o Sindicato Nacional de Jornalistas (SNJ) exigem a responsabilização do director distrital de Educação de Nacala-Porto, na província de Nampula, na sequência do caso do atropelamento do repórter da TV Sucesso, Filesmar Essiaca Agostinho, na segunda-feira, 8 de Janeiro.
Filesmar Agostinho foi atropelado quando tentava obter reacção do director distrital da Educação sobre reivindicações de professores, que incluem atrasos salariais e pagamento de horas extraordinárias.
O acidente causou fractura numa das pernas do jornalista, que viria a ser socorrido por outras pessoas presentes no local, que o transportaram ao Hospital Distrital, onde recebeu os primeiros socorros, prevendo-se, entretanto, que vá permanecer pelo menos 30 dias imobilizado.
Em comunicado, o SNJ lamenta e repudia a atitude do director dos Serviços Distritais de Educação, Juventude e Tecnologia de Nacala-Porto, não só pelos danos físicos que causou ao jornalista, como também por tal atitude configurar uma violação à Lei de Imprensa em vigor no país, no que se refere ao livre acesso à informação de interesse público.
Enquanto isso, “o MISA Moçambique condena a repugnante atitude do director distrital da Educação de Nacala-Porto. Mais do que repugnante, a actuação do dirigente configura um grave atropelo à liberdade de imprensa e o acesso à informação. Além de consubstanciar um grave atropelo à liberdade de imprensa, a atitude de Alexandre Mário representa, igualmente, uma negação ao direito à informação a jornalistas e, por seu intermédio, ao direito à informação que assiste aos cidadãos”.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Leave a Comment

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia